IRB Re (IRBR3) vê lucro multiplicar por mais de 9 vezes no 1º trimestre, a R$ 79,1 mi

O ressegurador IRB (IRBR3) reportou lucro líquido de R$ 79,1 milhões no primeiro trimestre de 2024 (1T24), montante 825% superior ao reportado no mesmo intervalo de 2023.

A companhia explica que o lucro líquido foi “impactado tanto pelo resultado de underwriting quanto pelo resultado financeiro, ambos positivos”. O ressegurador afirma que este salto é fruto da limpeza da carteira de resseguros, que ampliou o resultado agregado dos contratos e reduziu a sinistralidade.

Baixe uma lista de 11 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos

O resultado de underwriting (subscrição) ficou positivo em R$ 122,4 milhões no 1T24 contra um resultado de R$ 3,7 milhões no 1T23.

No 1T24, o sinistro retido total diminuiu 43,3% para R$ 529 milhões. Já o índice de sinistralidade foi de 58,2% no 1T24, melhor em 19,1 pontos percentuais (p.p.) quando comparado com 1T23.

O índice combinado, por sua vez, atingiu 99,0% no 1T24, 11,9 p.p. melhor que o 1T23.

Saiba mais:

Confira o calendário de resultados do 1º trimestre de 2024 da Bolsa brasileira

Temporada de balanço do 1º tri ganha força: em quais ações e setores ficar de olho?

Ao considerar o prêmio emitido total, o valor ficou em R$ 1,440 bilhão no primeiro trimestre de 2024, o que representa uma baixa de 9,1% no comparativo anual. No Brasil, houve alta de 5,3%, para R$ 1,060 bilhão, enquanto no exterior, o recuo foi de 34,2% em termos anuais, para R$ 379,9 milhões.

Já o resultado do IRB antes dos impostos e participações foi de R$ 150,9 milhões, um crescimento de 978% na comparação anual. O resultado financeiro e patrimonial teve baixa de 2,7% em um ano, para R$ 141,6 milhões, na mesma base comparativa.

“Sobre o primeiro trimestre de 2024, reforço que trabalhamos para produzir resultados sustentáveis, no longo prazo, e, mais uma vez, nossos números mostram que estamos evoluindo”, afirma em nota o CEO do IRB, Marcos Falcão. “Vamos seguir controlando os itens que estão sob nossa gestão: preço, despesas e custos.”

O custo de aquisição no 1T24 totalizou R$ 252,5 milhões, comparado a R$ 233,2 milhões no 1T23, principalmente em função de contas técnicas específicas do segmento de vida no Brasil, ligadas a adiantamento de comissão.

As despesas gerais e administrativas no 1T24 totalizaram R$ 75 milhões, comparado a R$ 88 milhões no 1T23.

The post IRB Re (IRBR3) vê lucro multiplicar por mais de 9 vezes no 1º trimestre, a R$ 79,1 mi appeared first on InfoMoney.

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *